terça-feira, 25 de setembro de 2018

Festa das Colheitas - Castro D'aire

Domingo, 23 de setembro de 2018, a nossa querida confreira Mónica Lopes marcou presença na Festa das Colheitas em Castro D'aire. O Momento foi registado pela TVI, com uma pequena entrevista durante o Somos Portugal.
A confreira Mónica Lopes teve a oportunidade de falar dos produtos das abelhas, destacar que "todos os méis são especiais" e explicar o que é a própolis.

Aproveitem para ver e rever o momento. 


A.M.


segunda-feira, 24 de setembro de 2018

Festival da Cherovia e VIII Capítulo da Confraria da Patanisca e do Pastel de Molho da Covilhã

No fim-de-semana (22 e 23 de Setembro) a Confraria do Mel deslocou-se até a Covilhã para mais um evento. 




No Sábado, 22 de Setembro celebrou-se o Festival da Cherovia e onde não faltou a nossa confreira Flaminia Ferreira.




A animação foi grande e o sorriso dos envolventes é notória .








Domingo, 23 de Setembro, foi início do Outono e o VIII Capítulo da Patanisca e do Pastel de Molho da Covilhã. O calor e o sol foi presença garantida e não quiserem faltar ao VIII Capítulo da Patanisca e do Paste de Molho da Covilhã e a Confraria do Mel também não. 






A nossa confreira Manuela Miguel foi uma dos confrades a estar presente, deslocando-se até à cidade da Covilhã para mostrar o que de belo a nossa Confraria representa e defende. 




Durante o evento o convívio entre confrarias é garantido. Permitindo sempre boa disposição, muita conversa e claro dar a conhecer as abelhas e os produtos das mesmas.   












Os nossos confrades Manuela Miguel, Flaminia Ferreira e Francisco Rogão num momento de descanso. 


Na pastelaria Leitymell não falta mel e claro que a Confraria do Mel tinha que registar um sítio que nos é tão especial. 

Onde há apicultura há Confraria do Mel.




Como é habitual não faltou o desfile com as confrarias presentes.





Depois do desfile há sempre tempo para um momento de conversa com as confrarias.



As belas confreiras a mandar um belo sorriso para a fotografia. 

Com um fim-de-semana tão intenso vamos para mais uma semana de muito trabalho e preparar para para o próximo destino. 

A.M.





sábado, 22 de setembro de 2018

Próximos eventos

A Confraria do Mel tem a agenda recheada de eventos para mostrar o que de melhor tem a Confraria, defender os produtos da colmeia, as abelhas e tudo que a apicultura envolve. 

Deixamos os próximos eventos que a Federação Portuguesa de Confrarias Gastronómicas (FPCG) nos fez chegar, e que contamos estar presentes:

  • 3 de Novembro - Gala de entrega do Prémio de Boas Práticas da FPCG


Capítulos das Confrarias Federadas - 2018

  • 23 de Setembro - II Capítulo da Confraria do Caldo de Nabos de Gondomar
  • 23 de Setembro - VIII Capítulo da Confraria da Pastinaca e do Pastel de Molho da Covilhã
  • 29 de Setembro - Confraria das Papas de S. Miguel
  • 6 de Outubro - VIII Capítulo Confraria dos Carolos e Papas de Milho
  • 6 de Outubro - Confraria dos Gastrónomos da Região do Algarve
  • 13 de Outubro - VIII Capítulo da Confraria da Pedra, Madalena - Vila Nova de Gaia
  • 13 de Outubro - VII Capítulo da Confraria do Bolo Podre e Gastronomia do Montemuro - Castro Daire
  • 13 de Outubro - XVII Capítulo da Confraria das Tripas à moda do Porto
  • 14 de Outubro - VIII Capítulo da Confraria do Chícharo
  • 20 de Outubro - Confraria da Doçaria Conventual de Tentúgal
  • 27 de Outubro - Confraria dos Ungalados, Javali e Castanha - Miranda do Corvo
  • 18 de Novembro - Confraria Gastronómica da Rabanada
  • 24 de Novembro - VII Grande Capítulo da Confraria da Marmelada de Odivelas
  • 24 de Novembro - Confraria Queirosiana
  • 1 de Dezembro - XVII Capítulo da Confraria Nabos e Companhia
  • 1 de Dezembro - XVI Capítulo Solene da Confraria Gastronómica da Raça Arouquesa
  • 8 de Dezembro - Confraria dos Sabores Poveiros - Póvoa de Varzim
  • 9 de Dezembro - V Capítulo da Confraria Ovelhã


A.M.

sexta-feira, 21 de setembro de 2018

Sabonete Natural de mel e cera de abelha

Ingredientes:

  • 1250g de azeite
  • 450g de água. De preferência destilada e a temperatura ambiente. É possível fazer uma infusão com alguma planta com propriedades benéficas para a pele, como camomila, calêndula, etc.
  • 170g de soda caustica
  • 3 colheres de mel
  • 2 colheres de cera de abelha natural
  • uma gostas de óleo essencial para aromatizar
Preparação:
  1. Num recipiente que seja resistente a soda caustica colocar o azeite e a cera de abelha ralada. Aquecer em banho-maria, mexendo de vez enquanto. Quando atingir os 37ºC ou 38ºC retirar do calor.
  2. Colocar a água num recipiente resistente a soda caustica, colocar luvas, máscara e óculos de proteção. Colocar a soda caustica na água, mexer suavemente com uma colher de madeira até que os cristais se dissolvam. Atenção para que não haja corrente de ar.
  3. Quando a temperatura da água com a saída caustica atingir os 37ºC (importante que ambas as misturas preparadas tenham a mesma temperatura) começar lentamente a verter a mistura da saída caustica no recipiente com o azeite e a cera de abelha.
  4. Colocar o mel.
  5. Aos 10-15 minutos a mistura começa a espessar e a apresentar um aspeto opaco. Se misturamos com a colher demorará mais tempo, cerca de 45minutos, com um batedor eléctrico demorará menos tempo. 
  6. Quando apresentar um aspeto de creme espesso verter nos moldes, tapar e deixar repousar 48h.
  7. Após este tempo desmontar e deixar secar durante 1mês.

  8. Imagem retirada do google.imagens

A.M.

terça-feira, 11 de setembro de 2018

O Mel

O mel é um dos muitos produtos que as abelhas põem à nossa disposição. Talvez o mais conhecido pela sociedade. Mas as abelhas fornecem muitos mais produtos, como a geleia real, a apitoxina, a própolis, a cera, etc. 
O mel é produzido pelas abelhas Apis mellifera e resulta da recolha dos néctares florais e que a abelha combina com as secreções que produz pelas glândulas. A abelha armazena o néctar nos favos, onde após um processo é transformado em mel e poderá ser consumido tanto pelas abelhas como pelo Humano. 

Já reparou na variedade de méis que existem no mercado?

A cor do mel varia conforme o teor de determinados compostos. O mel pode variar entre o branco-água, extra-branco, branco, âmbar, extra-claro, âmbar e âmbar escuro. Por exemplo o mel de urze é um mel escuro, já o mel de laranjeira é um mel claro. Méis mais escuros têm um sabor mais intenso do que os méis claros. 

Também encontramos os méis monoflorais e os méis multiflorais. É dado o nome de mel monofloral quando na sua composição polínica predomina uma determinada espécie botânica (exemplo: mel de alecrim, mel de urze, mel de rosmaninho, etc.). Para que o mel seja considerado monofloral é necessário apresentar valores mínimos de determinado pólen:
  • Mel de Urze - tem de apresentar 45% de pólen de Urze (Erica sp.)
  • Mel de Rosmaninho - tem de apresentar mais de 15% de pólen de Rosmaninho (Lavanda sp.)
  • Mel de Castanheiro - tem de apresentar mais de 70% de pólen de Castanheiro (Castanea sativa)
Os méis multiflorais são aqueles que na sua composição polínica não apresenta uma predominância de determinada espécie botânica ou que não atinja os níveis estabelecidos para ser considerado mel monofloral. 

Experimente a variedade de méis que as nossas abelhas, Apis mellifera, produzem e delicie-se com os distintos sabores.
Diferentes tonalidades de méis.
Imagem retirada de sigavalemais.com.br
A.M.

segunda-feira, 10 de setembro de 2018

A Confraria do Mel no I Festival do Mel em Loures

O I Festival do Mel em Loures realizou-se de 7 a 9 de Setembro no Parque Adão Barata em Loures. Alguns dos nossos confrades estiveram presentes. 

Alguns dos confrades presentes no I Festival do mel em Loures


Confrade com os premiados
O Concurso do mel também fez parte deste festival. Concurso esse que foi dividido em dois: um concurso técnico e um concurso da escolha do consumidor. 
O nosso confrade António Cardoso entregou um dos prémios e o nosso Grão-mestre Francisco Rogão fez parte do júri no concurso técnico.
Estivemos com a Confraria do Arinto para um brinde.














Tivemos a oportunidade de dar a conhecer aos presentes a missão da Confraria do Mel e falar sobre a importância da escolha do mel de qualidade. Tendo atenção aos rótulos e a origem do mel. 










Foi um fim-de-semana de boa disposição e confraternização.


A.M.

quarta-feira, 14 de março de 2018